Segredos Obscuros

Autora: Caroline Demantova
Editora: Talentos da Literatura Brasileira
560 páginas
Livro cedido em parceria com a Autora

"Roxana Irving, uma ex‑modelo famosa por escrever um livro sobre os bastidores da moda, decide se retirar para um isolado hotel fazenda no interior do Paraná, a fim de escrever sobre um famoso homicídio ocorrido no local: Cristiano Diniz foi acusado de matar Barbara, sua esposa, com base em provas indiciárias. Entretanto, o corpo não foi descoberto e, mesmo assim, Cristiano foi denunciado por homicídio – eis que em seu carro foram encontradas uma bolsa e uma blusa contendo o sangue da vítima, e uma testemunha afirmou tê‑lo visto carregando o corpo da esposa para o meio do mato. Um mês após a prisão de Cristiano, o corpo da esposa aparece misteriosamente. E pior: tudo indica que ela havia sido estrangulada nos estábulos do hotel, apenas duas horas antes. Mas esse crime, que culminou na morte de Barbara, nunca foi esclarecido, e Cristiano, desaparece num acidente de carro. Para desvendar esta intrincada e surpreendente trama, Roxana irá se deparar com segredos obscuros que envolvem a vítima e que ameaçam a vida do filho de Barbara."

É um livro muito bom, ao estilo Sherlock Holmes brasileiro. A unica coisa que me deixou um pouco irritada foi a protagonista ser meio Dora Aventureira e não enxergar pistas grudadas na testa dela, o que faz o livro ficar dando voltas em uma situação que poderia ser resolvida a tempos.
O final é realmente impressionante, dando resposta a questões que não conseguíamos resolver.
A escrita da autora é perfeita, a capa é muito bonita, por mais que é um livro grande, é empolgante, você quer saber o que acontece no final e os motivos daquele crime.
Para tentar descobrir o que ocorreu numa pequena cidade do interior do Paraná, Roxana vai até o Hotel Fazenda onde o corpo da vitima foi encontrado e começa sua investigação.
Em pouco tempo ela descobre mais do que a maioria têm conhecimento, inclusive a polícia, e começa a ser ameaçada.
As coisas começam a parecerem irreais quando uma mulher muito parecida com a vitima é vista aterrorizando as pessoas suspeitas do crime, mensagens estão sendo pichadas no muro do Hotel. O unico problema é que esta situação está incomodando muita gente, e dentre elas está o assassino.
Esse livro tem muitos detalhes, muitas coisas acontecem, aos poucos vamos descobrindo mais sobre os motivos dela estar ali, e como ela tem muito mais relação com uma das vitimas do que era imaginado pelo leitor.
Quer descobrir quem é o assassino? Leia o livro!

Já leram ou querem ler? Deixe nos comentários.


Para quem quiser comprá-lo:




Homens e Anjos

Autora: Luciana Oliveira
Editora: Fragmentos
232 páginas
Livro cedido em parceria com a Autora

"A vida da bela Isa começa a mudar. A ausência do marido que viaja para a África a trabalho, o vazio que sente com ausência dele a faz reviver constantemente o passado de pobreza e a agressividade entre seus pais, fazendo com que se sinta cada vez mais insegura.Ela, que só tinha olhos para o trabalho, o filho e o marido, depara então com aqueles lindos olhos azuis. Eduardo, o cliente de sua empresa, não é um homem comum, é misterioso e fascinante ao mesmo tempo.Isa descobre o desejo, começa a ceder aos encantos de Eduardo, um homem intenso.Dividida entre a ética e o desejo, ela se pergunta se ainda ama Júlio, seu marido, e sua escolha poderá mudar tudo.Mas Isa não está só, ela conta com a proteção de Miniel, seu anjo.Ele irá guiá-la por esse caminho repleto de sentimentos, inseguranças e descobertas fascinantes."

Um livro muito lindo, uma leitura agradável, de qualidade extrema. Adorei a escrita da autora, que colocou sua vida e conhecimento nesse livro, não sei se é baseado em sua vida mas ele é sim, muito realista. 
Vemos Isa, uma contadora de sucesso que tem sua propria empresa de contabilidade, tendo como sócia sua antiga colega de turma da faculdade. Ela é casada com Júlio, ele é médico, um homem charmoso, agradável, carinhoso e dedicado. Sua vida está indo extremamente bem, até que seu marido decide ir para África, fazer trabalho comunitário, e nesse mesmo período ela conhece Eduardo, um cliente bonito, no mínimo, que está interessado nela. Mas vemos desde o início que por mais tentada que se sente, Isa é uma mulher ética, não colocaria seu casamento com o homem que tem um filho, à prova, por algo impulsivo.
Os anos se passam, e o relacionamento com seu marido esfria, o que resta a ela é se reencontrar para tomar a decisão mais sábia sobre qual caminho vai tomar em sua vida. 
Super recomendo esse livro, é aquele tipo que te faz refletir, ensina. É um livro com muito conteúdo.

Já leram ou querem ler? Deixe nos comentários.


Para quem quiser comprá-lo:

Homens e Anjos




A Garota que Eu Quero

Autor: Markus Zusak
Editora: Intrínseca
174 Páginas


Rube nunca amou nenhuma delas. Nunca se importou com elas. Nem é preciso dizer que Rube e eu não somos muito parecidos em matéria de mulher. Cameron Wolfe é o caçula de três irmãos, e o mais quieto da família. Não é nada parecido com Steve, o irmão mais velho e astro do futebol, nem com Rube, o do meio, cheio de charme e coragem e que a cada semana está com uma garota nova. Cameron daria tudo para se aproximar de uma garota daquelas, para amá-la e tratá-la bem, e gosta especialmente da mais recente namorada de Rube, Octavia, com suas ideias brilhantes e olhos verde-mar. Cameron e Rube sempre foram leais um com o outro, mas isso é colocado à prova quando Cam se apaixona por Octavia. Mas por que alguém como ela se interessaria por um perdedor como ele? Octavia, porém, sabe que Cameron é mais interessante do que pensa. Talvez ele tenha algo a dizer, e talvez suas palavras mudem tudo: as vitórias, os amores, as derrotas, a família Wolfe e até ele mesmo.


O livro faz parte de uma trilogia do autor Markus Zusak , começando pelo livro “O Azarão”, passando por “Bom de Briga” e terminando  em “A Garota que eu Quero”.  Porém, são livros independentes, não sendo fator de importância a ordem de leitura.
“A Garota que Eu Quero”  narra a história de Cameron Wolfe um adolescente  tímido, introspectivo e com baixa estima. Cameron vive com sua família – seus  três irmãos e seus pais – tendo maior contato com seu irmão Rube, um garoto muito popular entre as garotas, e que sempre aparece com uma nova namorada. O oposto de Cameron, que nunca teve um relacionamento.
A história vai seguindo até que Cameron começa a se interessar pela atual namorada de seu irmão Rube, Octavia Ash, porém ele sabe de que se trata de uma paixão proibida, pelo fato de Octavia ser linda, peculiar, interessante e – o maior de todos obstáculos – namorada de seu irmão. Porém, certo dia durante suas várias conversas com seu irmão, Cameron ouve de Rube que seu relacionamento com Octavia não ia muito bem e que ele estava pensando em terminar com a garota. O que causou uma certa estranheza no irmão mais novo, que não entendia como alguém teria coragem de terminar com uma garota tão incrível.  A partir daí, Rube realmente termina com a garota e acaba abrindo espaço para que Cameron e Octavia fiquem juntos, já que ela também vê algo especial no rapaz, algo que nenhuma outra garota vira antes e acaba se interessando por ele.


Acredito que o livro, apesar de abordar o romance, não tenha como foco principal a paixão de Cameron por Octavia mas, sim, o amor dentro da família, o amor fraterno. O que une Cameron a seus pais, seus irmãos, especialmente a Rube.  A amizade verdadeira  existente entre eles, mesmo tendo pensamentos e comportamentos tão diferentes, é algo que emociona e faz você se afeiçoar a história.


E você, o que achou do livro? Deixe nos comentários!




Sob o Olhar Grego

Autora: Bela Crestan
Editora: Alternativa Books
136 páginas
Livro cedido em parceria com a Autora

"Be é uma garota insegura que sonha ser escritora. Ela viaja à Grécia em busca de inspiração para seu livro e lá conhece Ed, um músico famoso que se torna um bom amigo e a faz enxergar o mundo com outros olhos. Quando finalmente se sente uma mulher mais confiante e decidida, algo inesperado acontece para confundir sua cabeça e trazer à tona sentimentos e frustrações que estavam escondidos em sua mente. Em meio a um conflito interno, Be vê no caos a chance de viver um grande amor."

Um livro muito bonitinho, conta como a vida de Be pode mudar em uma viagem de férias. Nessa viagem ela conhece Ed, que acaba se mostrando um cantor famoso da Inglaterra e os dois se transformam em grandes amigos. Com um jeitinho bem turístico conhecemos a ilha de Creta pelo olhar de Be, ao ponto de eu desejar estar lá. 
É um livro bem pequeno e gostoso de ler, recomendo a quem quer visitar a Grecia por algumas horas. 
A escrita da autora demonstra que ela está aqui de primeira viagem, mas isso é normal. Acredito que na maioria das vezes, o tempo que se passa entre um livro e outro amadurecem a escrita, então provavelmente o proximo livro vai ser melhor ainda do que esse. 
A personagem tem seus demônios, ela precisa se redescobrir e acaba encontrando a sua paz nessa viagem. Ela encontra o amor em um francês extremamente egocêntrico no inicio, mas uma pessoa doce até o final do livro.

Já leram ou querem ler? Deixe nos comentários.

Para quem quiser comprá-lo:

Sob o Olhar Grego




Lucíola

Autor: José de Alencar
Editora: Moderna
120 Páginas


Independente e altiva, Lúcia, a mais rica cortesã do Rio de Janeiro, não se deixava prender a nenhum homem. Até conhecer Paulo. A partir daí, ela se vê totalmente entregue; tudo o que quer é permanecer junto dele. Esse romance passa a ser o assunto mais comentado na Corte. Os comentários chegam aos ouvidos de Paulo e o incomodam profundamente. Valeria a pena romper seu relacionamento só para manter a boa imagem diante das pessoas?

Lucíola é um romance do escritor brasileiro José de Alencar, de 1862.
O livro narra a história de Maria, que quando jovem, foi seduzida por um homem devasso em um momento de muitas dificuldades, e acaba sendo expulsa de casa por seu pai e trocando seu nome  para Lúcia. Ela se transforma em uma cortesã que chama muita atenção dos homens tanto por sua beleza quanto por sua inteligência, e apesar de estar envolvida nesse meio, é uma mulher muito elegante.
Paulo, um jovem pernambucano que acaba de chegar ao Rio de Janeiro para tentar ingressar em sua vida profissional, se apaixona por Lúcia à primeira vista. E, mesmo após descobrir o estilo de vida levado por ela, continua apaixonado e passa a visitá-la. E com uma aproximação cada vez maior, logo a paixão de Paulo por Lúcia acaba se tornando recíproca.
Apesar da imensa paixão, Paulo vive o dilema de ficar ou não com Lúcia, afinal, se preocupava com o que a sociedade pensava de seu relacionamento com ela e também pelo fato de não ter condições financeiras suficientes para sustentar uma cortesã. Durante todo o caminho, eles passam por diversos obstáculos, sendo o preconceito apenas um deles.


A maneira como José de Alencar aborda e retrata o enredo, os personagens e  os costumes da época é muito fascinante e prende o leitor ao livro, apesar da linguagem mais robusta, por se tratar de um livro de época, conseguimos entrar na história junto com os personagens, nos apaixonamos por eles e conseguimos entender um pouco mais a hipocrisia e o preconceito existentes  dentro de uma sociedade desde os primórdios.



E você, o que achou do livro? Deixe nos comentários!




Tecnologia do Blogger.